Relator da CPI da Petrobras elimina envolvimento de políticos

Com um comportamento extremamente criticado pelos meios, por ir totalmente de encontro ao que está revelado na Operação Lava Jato, o relatório da CPI da Petrobras, indiciou dezenas de pessoas envolvidas no escândalo de corrupção, mas exime de responsabilidade os ex-presidentes da estatal José Sergio Gabrielli e Graça Foster, a ex-presidente do conselho Dilma Rousseff e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Entre os indiciados estão o presidente da Sete Brasil, Newton Carneiro e seu antecessor, João Ferraz e funcionários da Petrobras.

Comentários