Caminhoneiros iniciam protestos no país

Sem chegar a um acordo com o governo federal em relação às suas reivindicações, na madrugada desta segunda-feira (9), caminhoneiros iniciaram protestos e bloqueios em rodovias dos estados de Minas Gerais, Rio Grande do Sul e Santa Catarina. Apesar de o Planalto afirmar que atendeu a maior parte das reivindicações da categoria, o grupo de caminhoneiros liderados pelo Comando Nacional do Transporte que se declara independente de sindicatos, continua com uma série de reivindicações.

Entre elas, os manifestantes cobram do governo a redução do preço do diesel, a criação do frete mínimo, a unificação do salarial no país e a liberação de créditos com juros subsidiados no valor de R$ 50 mil para transportadores autônomos. Além destas, o grupo também exige ajuda federal para refinanciamento de dívidas de compra de veículos.

Comentários